segunda-feira, 13 de março de 2017

O LUTO QUE GLORIFICA A DEUS




(Original de artigo de minha autoria publicado no jornal Mensageiro da Paz, Ano 87, Número 1582, Março de 2017)

Apesar de ser algo que todos sabem que um dia acontecerá, a morte sempre deixa o ser humano perplexo. É um processo natural da vida, determinado por Deus: “porquanto és pó e em pó te tornarás.” (Gn 3.19).  Então porque sofremos tanto quando, devido à morte, somos separados de um ente querido? Porque a morte nos espanta tanto? A morte é uma consequência do pecado, não estava no projeto inicial do Criador, então o ser humano não foi feito para enfrentar este momento.